My Wellness

Síndrome dos Ovários Poliquísticos: Diagnóstico e Tratamento!

Hoje decidi fazer um resumo sobre a Síndrome dos Ovários Poliquísticos [SOP  ou PCOS], visto que afeta muitas mulheres e explicar como é que se faz o diagnóstico e o tratamento.

O que é?

Síndrome dos Ovários Poliquísticos é um distúrbio metabólico que afeta 6%-25% das mulheres em idade reprodutora.  A causa não é conhecida, mas a genética parece ter um papel fundamental no desenvolvimento deste síndrome, bem como o estilo de vida.

Sinais e Sintomas!

  • Anovulação [ovulação inexistente ou irregular]
  • Hiperandrogenismo [níveis elevados de hormonas masculinas]
  • Acne
  • Hirsutismo [excesso de pelos no rosto e no corpo]
  • Menstruação irregular ou ausente [oligomenorreia ou amenorreia]
  • Alopécia [queda de cabelo]
  • Infertilidade

Os sintomas usualmente surgem na adolescência e são crónicos, progredindo ao longo do tempo. No entanto, em mulheres a tomar contracetivos orais, como a pílula, muitas vezes estes sintomas só surgem quando estas param de tomar esses mesmos contracetivos orais.

Diagnóstico!

Existem várias guidelines de diagnóstico mas todas concordam que devem estar presentes no mínimo 2 dos seguintes fatores:

  • Oligomenorreia ou amenorreia [menstruação ausente ou irregular]
  • Hiperandrogenismo clínico e/ou laboratorial [níveis elevados de hormonas masculinas]
  • Ovários poliquísticos definidos por ecografia pélvica

O diagnóstico deverá ser feito o mais cedo possível, de modo a impedir o desenvolvimento de diabetes, obesidade, hipertensão e dislipidémia. E nestas mulheres a resistência à insulina é maior. Além disso, as mulheres com SOP têm 3x mais risco de ter cancro do endométrio.

Tratamento:

  • perda de peso, nas mulheres que sofrem de excesso de peso
  • uma dieta saudável, com restrição de açúcares e carbohidratos
  • exercício físico regular, visto que melhora a função metabólica e a resistência à insulina
  • metformina, para tratar a resistência à insulina e para aumentar a fertilidade nas mulheres que pretendem engravidar
  • terapia hormonal para melhorar o acne e o hirsutismo com contracetivos orais [pílula, anel vaginal, DIU] ou antiandrogénicos, como a espironolactona
  • laser, eletrólise, descoloração são alguns dos tratamentos que se podem fazer para tratar o hirsutismo
  • a toma de vitamina D e de melatonina parece melhorar os sinais de SOP, principalmente porque a maioria das mulheres com ovários poliquísticos têm deficiência de vitamina D, logo devem ser feitas análises que confirmem essa deficiência e a necessidade de toma de um suplemento de vitamina D.
Artigo Anterior Próximo Artigo

Também Poderá Gostar

3 Comentários

  • Responder Superalimentos que todos devemos conhecer! ⋆ Projeto Pele de Princesa Agosto 8, 2016 at 10:12 am

    […] do Peru, a maca ajuda a equilibrar as hormonas. É ideal para mulheres na menopausa, que sofram de ovário poliquístico ou de síndrome pré-menstrual. Ajuda também a dar energia, melhora o humor e a memória. Ajuda a […]

  • Responder Vitamina D: uma super vitamina? ⋆ My Beauty Prescription Março 10, 2017 at 3:36 am

    […] os sinais em doenças metabólicas como a diabetes e o síndrome dos ovários poliquísticos. Regula a produção de insulina e ajuda a estabilizar os níveis de açúcar no […]

  • Responder Suplementos de Q10: como tomar e para quem! ⋆ My Beauty Prescription Abril 23, 2018 at 10:26 am

    […] e ensaios clínicos de maior duração para avaliar o efeito da Q1o no síndrome metabólico como o PCOS ou artrite reumatóide, diabetes, doenças neurodegenerativas e renais. A Q10 também parece […]

  • Deixar uma resposta

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

    Gostou do artigo?

    Subscreva a newsletter para estar a par das novidades!

    Obrigada e até breve!