Beleza Cabelo

Philip B Rejuvenating Oil

O Philip B Rejuvenating Oil é um produto de culto. Este produto entrou para o TOP 100 da Forbes de produtos que valem cada cêntimo [Top 100 things that are worth every penny] e é o produto mais conhecido da Philip B, marca conhecida por usar óleos essenciais e extratos naturais nos seus produtos.

Eu adoro óleos para o cabelo. Como o meu cabelo tem tendência a oleoso, gosto de os deixar de noite ou por umas horas e lavar o cabelo a seguir. Como óleo dissolve óleo, o couro cabeludo fica mais limpo, ao contrário do que a maioria das pessoas pensa. Por isso, se for limpo convenientemente não há razões para o cabelo ficar pesado ou oleoso. Apenas brilhante e sedoso! E realmente é o que acontece com o Philip B Rejuvenating Oil, deixa o cabelo suave, sem frizz, brilhante e macio. Vamos conhece-lo melhor?

Philip B Rejuvenating Oil

  • Contém apenas óleos essenciais leves, como o azeite, óleo de sésamo, óleo de amêndoas doces, óleo de nozes, lavanda, gerânio, entre outros, de forma, a deixar o cabelo brilhante e sedoso.
  • Por não conter óleos muito ricos, ao lavar-se o cabelo a seguir, todo o excesso de óleo é retirado, não deixando assim o cabelo oleoso ou pesado.
  • Pode ser aplicado no couro cabeludo. É ideal para quem tem o couro cabeludo sensível e sente comichão ou sensação de queimadura.
  • Ajuda a prevenir a queda de cabelo.
  • Não tem parabenos.
  • Pode ser aplicado em cabelos pintados.

Como usar o Philip B Rejuvenating Oil?

  • Em cabelos estragados, usar 2x por semana, para ajudar na recuperação da fibra capilar. Para quem tem o cabelo saudável, mas quer apenas dar mais brilho usar 1 a 4x por mês.
  • Aplicar no cabelo seco e espalhar por todo o comprimento. Para ajudar a penetração do óleo no cabelo, usar o secador durante 5 minutos. [Eu simplesmente aplico antes de ir para a sauna, é a forma que eu encontrei de fazer tratamentos fáceis com resultados de cabeleireiro :)]
  • Deixar actuar entre 20 minutos a 15 horas. Eu deixo sempre ficar de noite para que o produto seja bem absorvido e para ter os melhores resultados.
  • Aplicar o champô ainda no cabelo seco e só depois passar por água, para que o champô consiga retirar melhor o excesso de óleo. Esta dica funciona para todos os óleos!
  • Usar 2 dias antes de fazer coloração no cabelo. Assim a tinta penetra melhor, o cabelo não fica tão seco e a cor fica mais brilhante e rica.
  • É um produto essencialmente para dar brilho e para reparar o cabelo. Para quem procura hidratação este não é o produto adequado e pode desiludir.

Sinceramente, acho que quem começa a usar óleos no cabelo acaba por ficar rendido. No meu caso é totalmente verdade, principalmente porque tenho o cabelo ondulado e então os óleos acabam por ajudar os meus cabelos a ficarem mais lisos sem necessitar de usar o ferro de alisar.

E vocês já são fãs de óleos de cabelo? Costumam usar?

Artigo Anterior Próximo Artigo

Também Poderá Gostar

13 Comentários

  • Responder Margarida Castelar Maio 9, 2016 at 7:50 am

    Bom dia Andteia! Eu comecei a usar o óleo de rícino… Qual é a sua opinião? Beijinho

    • Responder andreia Maio 9, 2016 at 1:31 pm

      É bom para a queda do cabelo e para o cabelo crescer mais forte 🙂 Beijinho

    • Responder joao Agosto 14, 2016 at 11:48 pm

      Ola Margarida. Onde comprou o oleo de ricino? obrigado.

      • Responder Andreia Agosto 18, 2016 at 3:05 am

        Eu diria no Celeiro ou numa Ervanária, mas vamos esperar que a Margarida responda.

  • Responder Christine Célia Sousa Maio 9, 2016 at 9:13 am

    Ola linda bom dia, eu uso óleo de amêndoas doces, e adoro a forma como deixa o meu cabelo,fica bonito e bem hidratado. Estou curiosa para experimentar o óleo Philip B, onde podemos o encontrar linda, beijinhos

    • Responder andreia Maio 10, 2016 at 11:37 am

      Olá Christine! Os óleos transformam o cabelo, é verdade!
      A Perfumes e Companhia vende em Portugal ou então online. Eu costumo usar o Strawberry.net, mas pelos vistos o óleo em separado está esgotado.

  • Responder Sandra Maio 9, 2016 at 7:29 pm

    Oi Andreia, eu sempre estou lendo o seu blog, mas nunca comento :-(. Hoje tenho que deixar a minha opinião sobre o uso de óleos vegetais no cabelo: realmente quem começa a usar não para mais!! Isso porque o cabelo realmente fica transformado. Eu tenho em casa e uso alternadamente os óleos de mostarda (excelente!), de coco, de óleo de uva, rícino e semente de linho. Fiquei muito tentada a experimentar esse da Phillip B, mas vi que aqui na Suíça ele custa 62 francos por 60 ml de óleo….achei caro. Quem sabe um dia, rs… Mesmo assim, valeu pela dica!! Abs!

    • Responder andreia Maio 10, 2016 at 11:34 am

      Olá Sandra,
      é tão verdade, o cabelo fica transformado, depois não dá para não usar mais! Eu acho que o preço usual ronda os 30 euros, por isso sim, é caro. Beijinho para a Suíça!

  • Responder Salete Ferreira Maio 9, 2016 at 8:56 pm

    Olá Andreia.. Onde posso comprar o óleo? É o preço sabe? Obrigada

  • Responder Ana Setembro 13, 2016 at 11:04 am

    Andreia, tenho óleo de Ricinio em casa 1que comprei numa drogaria aqui em Barcelos. Acho-o espesso, será normal? É que comprei-o a avulso e fiquei na dúvida. Também foi super barato. Tenho dúvidas de como aplicar :\ Consegue dar-me indicações?

    • Responder Andreia Setembro 13, 2016 at 10:36 pm

      1 a 2x por semana, Ana. Pode deixar por várias horas ou deixar toda a noite e lavar no dia seguinte. É um pouco viscoso, mas depende da temperatura. Beijinho

  • Responder Alessandra Cristina Outubro 5, 2016 at 2:46 am

    Aplicasse em todo comprimento … E a raiz Andreia ? Obrigada!

  • Deixar uma resposta

    Gostou do artigo?

    Subscreva a newsletter para estar a par das novidades!

    Obrigada e até breve!