My Beauty

Envelhecimento cutâneo e radiação solar!

O envelhecimento cutâneo é um processo biológico complexo que está sempre a ser estudado, devido ao enorme potencial que os novos estudos científicos podem ter na formulação de novos produtos cosméticos mas também na evolução da medicina estética e dermatologia. Eu gosto sempre de me manter informada sobre os mais recentes e relevantes estudos científicos da área, para me manter alinhada com o melhor e mais recente que se faz nessa área. Por isso, vamos ter uma série de artigos sobre o envelhecimento cutâneo. Este, o primeiro desta série, foca-se na relação entre envelhecimento e a radiação solar. Interessados em saber mais sobre o envelhecimento cutâneo?

O envelhecimento cutâneo consiste em 2 elementos: o envelhecimento intrínseco, determinado pela genética e o envelhecimento extrínseco, causado por fatores atmosféricos como exposição à luz solar e poluição e pelo estilo de vida como dieta e tabaco.

Luz Visível

O papel dos raios solares no envelhecimento da pele, nomeadamente da radiação UVB é conhecido de todos, sendo inclusive responsável pelo cancro de pele. No entanto, nos últimos anos, o papel da luz visível bem como das radiação infra-vermelha no envelhecimento cutâneo tem sido demonstrado. Ou seja, nos dias que correm, sabe-se que não é apenas a radiação UV que causa danos à pele, mas também a luz visível [à qual estamos sujeitos constantemente e até em espaços fechados] e o infravermelho.

A luz visível é responsável por problemas dermatológicos como urticária, vermelhidão, alergias e manchas. Existem vários estudos nos últimos anos que mostram que a luz visível é também responsável pelo aparecimento de manchas,  de uma forma semelhante à exposição aos raios UVA.

De que forma é que a luz visível causa danos na pele? Os estudos indicam que pelo menos numa parte pode-se atribuir a causa ao stress oxidativo. Os protetores solares normais não protegem a pele dos danos causados pela luz visível, mas os antioxidantes têm um papel fundamental na prevenção do stress oxidativo causado pela luz visível.

Radiação Infra-Vermelha

A radiação infra-vermelha (IR) é o tipo de radiação que, quando expostos ao sol, é absorvida pela nossa pele e é responsável pelo aumento da temperatura da pele, o que nós sentimos como calor. Os IR-A contribuem largamente para o envelhecimento extrínseco. Mas diferentes tipos de pele reagem de forma diferente a este tipo de radiação. As peles claras são mais sensíveis à redução da produção de colagénio o que se traduz na perda de firmeza e aparecimento de rugas, enquanto que nas peles mais escuras a produção de colagénio é pouco afectada, mas a pele reage produzindo melanina, responsável por manchas e por um tom de pele mais escuro.

Certos antioxidantes protegem a pele do calor e dos IR-A e é uma estratégia fundamental em peles que sofrem de intolerância e alergias solares.

A proteção solar está ainda muito centrada na prevenção de queimaduras solares e do cancro de pele, ou seja, apenas focada na proteção UVA e UVB. No entanto, tenho a certeza que nos próximos anos vamos ver cada vez mais protetores solares, com antioxidantes incorporados e outras substâncias com fotoproteção contra a luz visível e infravermelhos.

Quem segue o My Beauty Prescription sabe que eu aconselho sempre a usar-se um sérum antioxidante todas as manhãs, por este mesmo motivo. Querem saber quais os antioxidantes mais adequados para prevenção do fotoenvelhecimento?

  1. Astaxantina. astaxantina é o antioxidante mais potente presente na natureza. O seu poder anti-oxidante é 1000x mais potente que o da vitamina C e E, 200x mais potente que o dos polifenóis e 150x mais potente que o das antocianinas. A astaxantina por ser liposolúvel e ter um baixo peso molecular, penetra facilmente na pele e dá hidratação, estimula a produção de colagénio, que é responsável pela elasticidade e firmeza da pele. Para além disso, inibe a produção de melanina  e protege a pele da radiação solar, incluindo a luz visível e infravermelha. O Sidmool sérum com 98.7% de astaxantina é o exemplo de um sérum antioxidante com elevado poder contra o fotoenvelhecimento.
  2. Vitamina C. O antioxidante com fotoproteção mais conhecido. Quando combinado com vitamina E tem ainda um efeito superior. Ajuda também a dar luminosidade à pele. O meu sérum preferido de vitamina C é o Melano CC, que contém também vitamina E.
  3. Vitamina E. A vitamina E é juntamente com a vitamina C um dos antioxidantes mais usados para prevenção do fotoenvelhecimento. Ideal para quem tem a pele seca e vermelhidão. As ampolas Clique One E5 são um bom exemplo de um produto com uma excelente concentração de vitamina E.
Artigo Anterior Próximo Artigo

Também Poderá Gostar

38 Comentários

  • Responder Rita Lourenço Marques Pereira Abril 16, 2018 at 9:51 am

    Grata pelo seu artigo! Tenho 45 anos e tenho uma pele morena que pigmenta com muita facilidade. Uso todos os dias protetor solar na esperança que não fique mais manchada, mas não uso sérum. Qual me aconselharia?

    • Responder Andreia Abril 16, 2018 at 3:54 pm

      o de astaxantina, Rita!

  • Responder rimbaud26 Abril 16, 2018 at 11:09 am

    (…) Olá Andreia, obrigado pelo artigo e pela boa informação. Eu tenho rosácea, já muito controlada e uso quase diáriamente protectores da Uriage com filtros minerais.
    A questão: é possível nesta condição ( que é a minha) usar algum destes antioxidantes e utilizar depois,da sua aplicação, o protector solar sem que efeitos reactivos para a pele.
    Obrigado e bem haja

  • Responder Margarida Abril 16, 2018 at 11:14 am

    Obrigada Andreia, gosto sempre de ler artigos que contribuem para o entendimento do comportamento da pele.
    No meu caso pessoal, não apanho muito sol directamente, praia só a partir das 5 e meia, na infância e juventude eram só as manhãs. Penso que será por isso que aos 48 anos tenho poucas rugas, mas a pele é muito manchada e incomoda-me. Qual será o sérum mais indicado para mim? Uso o da caudalie para as manchas, mas não vejo diferenças.
    Só uma curiosidade, a minha mãe nos anos 80, punha cápsulas de vitamina E no rosto, as cápsulas que eram para tomar, fartava-me de rir, mas a verdade é que a pele dela ficava muito macia e só agora nos 70 é que as rugas se notam mais, é óbvio que já experimentei mas são demasiado oleosas.

    • Responder Andreia Abril 16, 2018 at 3:47 pm

      Olá Margarida,
      O melano CC que falo no artigo é bom! 🙂 use de manhã seguido do seu creme de rosto habitual.

  • Responder Manuela Abril 16, 2018 at 11:54 am

    Por incrível que pareça as minhas mãos têm mais manchas que a minha cara LOL. O que eu queria era um produto para as rejuvenescer….
    Tenho glaucoma!

    • Responder Andreia Abril 16, 2018 at 3:42 pm

      Pode usar o Melano CC que falo no artigo complementado com um creme de mãos hidratante. Se fizer este ritual todas as noites vai ter bons resultados! 😉

  • Responder Maria Abril 16, 2018 at 1:15 pm

    Olá Andreia, obrigada pela informação. Tenho 53 anos pele mista, com alguma tendência a manchas no verão. Neste momento estou a usar o endocare tensage creme e sérum. Também tinha comprado o Redermic C para usar pela manhã após o sérum endocare e à noite usaria o sérum com o creme endocare tensage. Não sei se poderei usar o primeiro sérum a astaxantina que referiu e como? Ou o que me aconselha na época que se aproxima de maior calor.
    Obrigada

    • Responder Andreia Abril 16, 2018 at 3:39 pm

      Pode usar de manhã o sérum de astaxantina, sem problema. Se quiser pode associar com o Endocare Tensage serum. E pode usar no Verão! 😉

  • Responder maria de fatima ferreira gonçalves Abril 16, 2018 at 1:33 pm

    Olá Andreia acho voce formidavel. Eu uso tudo da marca filorga, serum e hidratante e BB .Acha que estou bem aconselhada.Tenho 49 anos e pele oleosa o meu problema maior é o pescoço que ainda está razoavel, mas queria um produto milagre.

    • Responder Andreia Abril 16, 2018 at 3:35 pm

      Queria um produto que fizesse milagre, em que sentido? Apesar de não existirem milagres..;)

  • Responder Carla Abril 16, 2018 at 9:38 pm

    O Melano CC deve ser usado de manhã ou à noite? Deve ser complementado com o respetivos creme? Tenho pele seca, com muitos sinais, sardas e algumas manchas, embora pequenas.

    • Responder Andreia Abril 22, 2018 at 10:55 pm

      Olá Carla! Peço desculpa, o seu comentário escapou-me! O Melano cC deve ser usado de manhã e seguido do creme de rosto habitual. 🙂

      • Responder Carla Abril 23, 2018 at 9:09 am

        Muito obrigada😃

  • Responder Maria Abril 17, 2018 at 12:32 am

    Obrigada pela sua informação. Mas fiquei com dúvidas relativamente ao modo de usar de manhã posso usar o sérum astanxantina, a seguir o sérum endocare tensage e depois o creme endocare ou o redermic C? Esqueci-me de referir que tenho notado maior flacidez nos últimos tempos.
    Obrigada e beijinhos

    • Responder Andreia Abril 18, 2018 at 5:09 pm

      Primeiro o sérum de astaxantina, seguido do Endocare Tensage sérum e finalizando com o Redermic C de manhã. Se achar que são demasiados produtos, use o sérum de astaxantina de manhã seguido do Redermic C e à noite o Endocare Tensage sérum seguido do creme.

      Beijinho

  • Responder Joana Arandas Abril 17, 2018 at 7:45 pm

    Olá Andreia, gosto imenso do seu blog e sempre que tenho alguma dúvida venho cá ver se a Andreia já falou no assunto, e o que aconselha.
    Eu tenho 32 anos e uso o sistema de 3 passos da Clinique, e o creme Superdefence SPF15 já há vários anos, no entanto, continuo com a zona T oleosa, tenho muitos pontos negros, e a zona à volta do nariz sempre vermelha e com raios. Por estas razões eu queria mudar a minha rotina de limpeza e hidratação do rosto e gostava de lhe pedir conselhos no sentido do que escolher. Há cerca de 1 mês comprei o sérum Niacinamide 10% + Zinc 1% da marca The Ordinary e coloco de manhã e à noite antes do creme hidratante. Também comprei o COSRX BHA Blackhead Power Liquid para combater os pontos negros há 3 semanas e comecei por usar 1 vez por semana. Depois de ler este artigo, creio que posso incluir o sérum com Astaxantina.

    Obrigada e beijinhos.

    • Responder Andreia Abril 18, 2018 at 5:02 pm

      Pode usar o sérum de astaxantina sem problema! Aconselho a que use sempre um óleo de limpeza à noite para ajudar a remover os pontos negros. Que creme hidratante usa, Joana?

      Beijinho

      • Responder Joana Arandas Abril 23, 2018 at 12:05 pm

        À noite uso o Olay regenerist. De manhã o Superdefence da Clinique. Não sei se são as escolhas mais adequadas para mim.

        Que óleo de limpeza para a noite seria indicado para mim? Posso continuar a usar o sérum de niacinamida + zinco com o de astaxantina em simultâneo, e ainda o BHA 3 vezes por semana?

        Obrigada pela resposta Andreia. Eu peço desculpa por só responder agora mas só agora vi a sua resposta e tive oportunidade de responder.
        Agradeço a ajuda.

        Beijinhos

        • Responder Andreia Maio 5, 2018 at 12:03 pm

          Na verdade, o que interessa é que use um óleo de limpeza, tem por exemplo, o da LIRIKOS no asanAsian ou existem de outras marcas, como da Lierac. Aconselharia que usasse o sérum de astaxantina todas as manhãs e o The Ordinary Niacinamida + zinco à noite. Quando estiver a terminar os seus cremes e de acordo com a sua pele no momento eu sugiro-lhe outros. Esses parecem-me bastante pesados para a sua pele.

          • Joana Arandas Maio 12, 2018 at 11:07 am

            Obrigada Andreia. Já comprei o óleo de limpeza, e o sérum de astaxantina no asanAsian. O Superdefence está mesmo no fim, por isso, nos próximos dias já teria que comprar um novo creme. Quais me aconselharia?
            Mais uma vez muito obrigada pela ajuda!

  • Responder Marta Rebocho Abril 17, 2018 at 10:11 pm

    Olá Andreia, posso usar o Melano CC juntamente com o Sidmool Sérum em simultâneo na minha rotina matinal?
    Obrigada e um beijinho.

    • Responder Andreia Abril 18, 2018 at 4:57 pm

      Pode, eu misturo os dois! 🙂

  • Responder Lucia Pestana Abril 18, 2018 at 1:22 pm

    Olá Andreia como está? Queria uma ajudinha acerca do envelhecimento cutâneo mas não relativo ao rosto mas sim as pernas. Tenho 43anos e de há uns tempos pra cá tem surgido pequenas manchas brancas ( julgava eu que era um fungo mas não era 🙁 )e já estao subindo na direccão das coxas e braços. Tambem na zona tornozelo a pele esta ficando mais escura, será da má circulaçao, já encomendei astaxantina para começar a tomar e queria saber algum creme antivevelhicimento ou pomada. Fiz consulta no dermatologista mas ele disse que eram sinais de envelhecimento e não me recomendou nada, enfim…paguei consulta pra nada…Bj grande e toda ajuda será benvinda pois tou um bocadinho desanimada.

    • Responder Andreia Abril 18, 2018 at 4:53 pm

      Olá Lúcia,
      usualmente os sinais de envelhecimento não se propagam assim tão rapidamente…Fez tratamento antifúngico? Para a zona do tornozelo, se for má circulação, pode experimentar um creme como o Venoruton para melhorar a circulação. Use sempre protetor solar!

      • Responder Lucia Pestana Abril 20, 2018 at 2:45 pm

        Sim usei oleo tea tree e tb de oregão 100% puro sem resultado e tb usei champo cetoconazol tb sem resultado aconselhado por si 🙂

        • Responder Lucia Pestana Abril 26, 2018 at 1:44 pm

          Andreia não consigo encontrar o Venoruton dizem que foi descontinuado, pode sugerir outro sfv. Obg 🙂

          • Andreia Maio 5, 2018 at 11:01 am

            Thrombocid gel, Lúcia!

  • Responder aurora Abril 19, 2018 at 1:20 pm

    muito obrigado pela dedicação.

    • Responder Lucia Pestana Maio 8, 2018 at 11:35 am

      Obrigada pela atenção, bj grande 🙂

  • Responder aurora Abril 19, 2018 at 1:21 pm

    muito obrigado pela dedicação e esclarecimento.

  • Responder Carla Abril 19, 2018 at 10:39 pm

    Boa noite, peço à Andreia o favor de responder à pergunta que coloquei no dia 16. Obrigada, Carla

  • Responder cat Abril 23, 2018 at 9:53 pm

    Boa noite Andreia!
    Acha que o uso do sidmool serum e de um protetor solar é suficiente para o uso de manha? Tenho 25 anos e uma pele com muita tendência a vermelhidao e tenho muita dificuldade em conseguir produtos adequados. A noite faço oleo detox caudalie + creme de olhos vinoperfect + mesolift. De manha faço de momento o endocare emulsao mas continuo com muita Vermelhidao. Que acha de usar o sidmool ou um dos seruns para vermelhidao anti envelhecimento que referiu nun outro post? Tambem ja me senti tentada a experimentar a Jowae (nova Marca da ales groups em PORTUGAL, inspirada na cosmetica coreana) mas Gostava de saber a sua opiniao!

    Mais uma vez obrigada pelos optimos posts!

    • Responder Andreia Maio 5, 2018 at 11:27 am

      OlÁ Cat,

      aconselharia o Sidmool sérum de astaxantina seguido do Martiderm Arnika Gel Creme que é super específico para inflamação e vermelhidão.

      Espero ter ajudado!

  • Responder Diana Mendes Grilo Abril 26, 2018 at 9:11 pm

    Olá Andreia, suplementos alimentares como complemento da fotoprotecção o que se usa nesse Oriente fora? Obrigada e beijinhos

    • Responder Andreia Maio 5, 2018 at 10:59 am

      Olá Diana,

      aqui o maior complemento da fotoproteção é uma sombrinha com proteção UV, complementada com proteção solar SPF50 e mangas compridas. 🙂

  • Responder Ana Abril 30, 2018 at 10:26 am

    Olá Andreia! Desde já quero felicitar pelo excelente blog! Precisava de uma ajuda urgente :/
    Tenho uma dúvida quanto aos produtos a usar para cicatrizes. Fui sujeita a uma intervenção cirúrgica muito recentemente e gostaria de saber que produtos aconselha para reparação epidérmica e também para a proteção solar!
    Conheco pessoas que já aplicaram o Cicalfate da Avene e o Cicabio da Bioderma, mas também tenho conhecimento de produtos mais caros como o gel de silicone Dermatix e o Mederma. Sei que são mais indicados para cicatrizes hipertróficas e quelóides mas como foi a minha primeira intervenção cirúrgica não sei bem o que escolher.. Acha que vale apostar mais nestes últimos ou conhece algo melhor?
    Para a proteção solar estava a pensar em comprar o Photoderm Sensitive (UVA50) ou o Laser (UVA38), ou acha o Heliocare Ultra Cream SPF 90 mais indicado?

    Beijinho e desejo-lhe o maior sucesso por Macau! 🙂
    Ana

    • Responder Andreia Maio 5, 2018 at 10:32 am

      olá Ana,

      depende como a sua pele cicatriza. Se me disser que a sua pele cicatriza bem, após uma feria ou queimadura ou aconselharia apenas algo como o Cicalfate ou Cicabio. Para proteção solar, aconselho um stick como o Anthelios Zonas Sensíveis SPF50+ e que neste primeiro Verão tenha a zona da cicatriz sempre coberta, se possível. Se quiser pode complementar com o Heliocare, ou seja, de manhã põe o Heliocare e de seguida o Anthelios stick.

      Beijinho e espero ter ajudado 🙂

    Deixar uma resposta

    Gostou do artigo?

    Subscreva a newsletter para estar a par das novidades!

    Obrigada e até breve!