My Beauty

Cuidados de cabelo para um cabelo bonito e saudável!

No Verão, com as agressões várias como o ar condicionado, sol, sal e cloro dos dias de praia e piscina, o cabelo fica mais danificado e a precisar de mais cuidados. Vamos falar de como tratar do cabelo no Verão para um cabelo mais bonito e saudável?

Para tratar adequadamente do cabelo, para além da limpeza é necessário hidratar, nutrir e reconstruir. Cada cabelo tem necessidades diferentes e é necessário adaptar os cuidados ao tipo de cabelo.

Hidratar, nutrir e reconstruir!

Um cabelo baço, seco, embaraçado precisa de hidratação. Todos os cabelos precisam de hidratação e usualmente deve-se usar um condicionador ou uma máscara com poder hidratante sempre que se lava o cabelo.

Um cabelo com frizz, crespo precisa de nutrição. Os produtos nutritivos devolvem os óleos perdidos ao cabelo e mesmo os cabelos oleosos têm benefício em fazer uma nutrição 1x por semana ou em semanas alternadas. Óleo dissolve óleo e pode ajudar a controlar a oleosidade. Pode-se fazer com um óleo como o óleo de coco ou usar uma máscara nutritiva à base de óleos.

Um cabelo que está poroso, fino e quebradiço é um cabelo que precisa de reconstrução. A reconstrução ajuda a repor a proteína perdida da fibra capilar. No entanto, para uma boa reconstrução, o cabelo precisa de estar hidratado e nutrido. Por isso, é fundamental hidratar e nutrir o cabelo nos dias anteriores à reconstrução, de preferência, num dia hidratar e no dia seguinte nutrir. Os produtos para reconstrução são produtos altamente concentrados em queratina e que tornam os cabelos mais fortes e preenchidos. Exemplos? Joico K-Pak Deep Penetrating Reconstructor ou Olaplex Hair Perfector n.º 3. A reconstrução é algo que só deve ser feita 1-2x por mês porque demasiada queratina torna o cabelo rígido e com tendência a partir.

E vocês, já costumam ter esta rotina para um cabelo bonito e saudável? Contem-me tudo!

Photo Credits: Patricia Clarkson photographed by Justin Bishop for Vanity Fair.

Artigo Anterior Próximo Artigo

Também Poderá Gostar

8 Comentários

  • Responder Aurora veiga Julho 23, 2018 at 11:26 am

    obrrigado

    • Responder Andreia Julho 23, 2018 at 3:21 pm

      De nada, Aurora!

  • Responder Elisabeth Martins Julho 25, 2018 at 5:50 pm

    Olá Andreia,

    Mais uma vez, parabéns pelos seus artigos elucidativos. Vejo sempre. Grata por isso. Uma questão: no caso de um cabelo pintado, qual o champoo que poderia usar com o Joico K-Pak Reconstrutor ? A salientar que lavo o cabelo todos os dias, por causa do exercício físico.

    Um abraço.

    • Responder Andreia Julho 28, 2018 at 6:55 am

      olá Elizabeth,

      muito obrigada! Na verdade, pode usar o champô que quiser, não há obrigatoriedade de usar um em específico. Como lava o cabelo todos os dias (eu também) será melhor usar um para cabelos pintados, que ajude a preservar a cor do cabelo. A linha Joico K-Pak tem também um champô específico para cabelos pintados, Color Therapy. Abraço!

  • Responder Laureana Julho 26, 2018 at 11:33 pm

    Olá Andreia.
    Obrigada por mais um excelente artigo.
    Em relação ao cabelo, devo dizer que cometi um grande erro à uns bons muito bons anos atrás, quando meti na cabeça que devia fazer uma permanente.
    Para além de não ter gostado do resultado, o meu cabelo ficou estragado e nunca mais foi o mesmo, depois começaram os brancos a aparecer e por consequência as pinturas. O cabelo ficou frágil, quebradiço e espigava com muita facilidade.
    À um par de anos para cá, coincidência ou não, devo ter conseguido finalmente reunir os produtos essenciais para o meu cabelo que está otimo, como à muito não me lembrava e também alterei algumas rotinas.
    O meu cabelo é oleoso e neste momento esta é a minha rotina em relação ao meu cabelo:
    – antes de entrar no duche escovo bem o cabelo,
    – uso o champô da Garnier (limão e argila suave),
    – no fim do duche coloco da Garnier, spray amaciador sem passar por água (creme de arroz e leite de aveia) e só depois escovo o cabelo,
    – reparto o cabelo em 4 partes e coloco da Garnie, creme de pentear sem passar por água (tesouros de mel) espalho bem pelo comprimento do cabelo e não volto a pentear
    – no dia a seguir coloco um sérum hidratante que comprei na cabeleireira o meu é da “artègo”.

    Cumprimentos
    Laureana

    • Responder Andreia Julho 28, 2018 at 6:32 am

      Olá Laureana,
      obrigada por partilhar a sua rotina. E tem toda a razão, às vezes cometemos erros com o nosso cabelo, que levam tempo a recuperar!

  • Responder Lu Agosto 6, 2018 at 9:39 pm

    Olá. Este artigo levou-me a aferir qual a diferença entre hidratação e nutrição dos cabelos.
    Tenho cabelo encaracolado por natureza mas esticava sempre com secador e escova, logo há que aplicar creme térmico para proteger.
    Lavo sempre com shampoo e máscara; produtos anti frizz não podem faltar sobretudo em dias de chuva ou nevoeiro.
    Faço coloração apenas para tapar meia dúzia de brancos que apareceram na franja.

    maior asneira: fiz um alisamento térmico e repeti ao fim de 6 meses. Lado positivo = cabelos ainda mais brilhante; negativo = creio que foi o que agravou queda.

    bjs

    • Responder Andreia Agosto 12, 2018 at 8:50 am

      Olá Lu,
      pode ter agravado a queda, sim. E se tem tendência a frizz, os produtos para reconstrução com queratina dão uma ajuda. Apesar de em dias de muita humidade, não há nada que nos salve! 😉 Beijinho

    Deixar uma resposta

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

    Gostou do artigo?

    Subscreva a newsletter para estar a par das novidades!

    Obrigada e até breve!