Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed

Novidade: Vichy Dermablend 3D Correction Base Fluida

Hoje é dia de falar em novidades! E como eu gosto de falar de produtos novos que se distinguem do que existe no mercado! Dermablend é a gama da Vichy de correção de imperfeições e é uma referência a nível mundial. Quem nunca viu os vídeos das transformações impressionantes usando a Dermablend? Porém, a gama Dermablend está agora maior, junta-se à base e o corretor existentes, a Vichy Dermablend 3D Correction Base Fluida.

A grande inovação da Dermablend 3D Correction é que não corrige apenas o tom e a cor mas também o relevo. Ou seja, para além de corrigir manchas, vermelhidão, corrige também borbulhas, marcas de acne, poros aumentados e pele com superfície irregular. Além disso tem uma textura em gel, o que não é usual em bases.

Características:

  • Cobertura Ultra-matificante. Ideal para peles oleosas e acneicas.
  • Textura em gel. Refresca e apazigua. Transforma-se em pó e funde-se com a pele.
  • Reduz as imperfeições. Com ácido acetilsalícilico e eperulina. O Ácido salicílico tem uma ação queratolítica e melhora a qualidade da pele. A Eperulina é um agente apaziguante que acalma as inflamações.
  • Textura fina que evita depósitos mas densa que ajuda a preencher.
  • Hipo-alergénica. Sem parabenos. Não-comedogénica.

Os estudos clínicos indicam que ao fim de um mês as borbulhas e comedões são reduzidos a metade. Por isso, esta base é indicada para quem tem uma pele acneica, pois é mais um passo de cuidado e tratamento.

A sua fórmula em gel, que se transforma em pó durante a aplicação, cobre as imperfeições com uma fina camada, sem criar o efeito máscara. É muito maleável e elástica, para que os relevos e imperfeições sejam preenchidos. Mantém-se por 16 horas.

Como aplicar!

1. Usar uma pequena noz de base. Com produtos com elevada cobertura, a chave é sempre usar uma pequena quantidade de produto para ter o efeito mais natural possível.
2. Começar por aplicar a base nas áreas com mais problemas como relevos, cicatrizes, poros e marcas de pigmentação, a partir do interior para o exterior do rosto. Depois, esbater usando um pincel, uma esponja ou até mesmo a ponta dos dedos. Reaplicar se necessário nas áreas com  maior imperfeições ou marcas.
3. Espalhar pelo resto do rosto para um resultado uniforme.

Na minha opinião, a Vichy Dermablend 3D vem alterar as regras do jogo para quem tem imperfeições com relevo que não consegue disfarçar convenientemente com uma base normal. Além disso, por ser ultra-matificante, é uma excelente opção para quem tem a pele muito oleosa, e tem dificuldade em encontrar uma base matificante o suficiente.

  1. Estava a considerar a “Anti-Blemish Solutions” da Clinique quando vi esta novidade da Vichy. Depois de usar outras marcas como a LaRoche Posay, a Estee Lauder e a própria Dermablend original, não podia ter ficado mais contente com o resultado.
    Com uma pele extremamente oleosa e acne não é fácil encontrar uma base que cubra qb e que dure mais que 3/4 horas com bom aspecto mesmo com pó.
    Cumpre tudo o que promete, tem uma acabamente bem sequinho, cobre marcas e borbulhas (mesmo aquelas mais inflamadas e com mais relevo), aguenta bem a oleosidade e é bastante mais fácil de aplicar e bem mais natural que a Dermablend normal. Também tem FPS 20.
    Só lhe apontaria dois defeitos mínimos: tal como a Dermablend original vai desaparecendo um pouco ao longo do dia. Mantêm-se com bom aspecto mas não mantém a cobertura original durante 8 ou 10h (quanto mais 16).
    Outro aspecto importante é que as cores não são iguais dentro da própria gama. Enquanto na Dermablend original uso o tom mais claro (15 Opal) nesta versão 3D uso o tom seguinte (25 Nude). Os tons são muito diferentes entre as duas versões e entre os próprios correctores de stick.

  2. Olá Andréa, que boa novidade! Você acha que serviria para uma pele mais madura como a minha ( sessenta e oito anos ) mas ainda com poros dilatados e um pouquinho oleosa…Tenho receio que venha a deixar a pele um pouco seca. Você acha que peles maduras ficam bem com bases matificantes..Tenho receio de ficar parecendo mais velha, embora apesar da idade, quase não tenho rugas. Milagre atribuído ao ácido retinóico e protetor solar. Um beijo querida e muito obrigada.

    1. Nesse caso, Raquel, acho que a Dermablend normal será mais adequada, porque em peles maduras, bases matificantes, marcam mais as linhas existentes.

    1. É boa para quem tem rosácea e a pele muito oleosa, Maria. Se não for o caso, a Dermablend original é mais adequada. Não tem factor de proteção solar e deve ser usado um hidratante antes.

  3. Olá, Andreia. Sou brasileira e acabei de checar seu site! Deve se usar hidratante e primer antes desta base? Qual creme e primer você recomendaria para se usar com essa base?

  4. Olá! Tenho 26 anos e uso esta base á algum tempo, e embora adore a cobertura não resulta na minha pele. Tenho a pele hiper mega oleosa, não só na zona T mas também no queixo. 🙁 Uso produtos específicos para o meu tipo de pele, mas penso que a base não é a correta para mim. Que base me aconselha? Ouvi falar num pó compacto da Shiseido. Agora na altura do Inverno ainda piora mais.

    Obrigado

  5. Ao procurar por reviews acerca desta base dei conta que a Andreia também tinha feito 🙂 eu usei recentemente e infelizmente não gosto, deixa a minha pele ainda mais oleosa com o passar das horas e pior que isso, causa-me irritação e escamação na pele. Há uns anos atrás usei a dermablend normal e gostei, embora também me deixasse a pele oleosa não me causava os outros sintomas. Penso que será de algum componente da fórmula.

Deixar uma resposta

Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed
Mais histórias
Exfoliante de borras de café.