Pele sensível ou intolerante? Quais as diferenças?

Pele sensível e pele intolerante. Fácil ficar confuso com estes conceitos que parecem tão idênticos. E mais difícil fica escolher os produtos adequados para este tipo de peles. Mas quais as diferenças entre uma pele sensível e uma pele intolerante?

O que é que caracteriza uma pele sensível?

Usualmente a pele sensível é uma pele fina e que está associada a um fototipo mais baixo. Ou seja, quem tem uma pele clara tem mais probabilidade de ter uma pele sensível.

Numa pele sensível, os receptores sensoriais estão mais à superfície da pele, portanto, são mais facilmente estimulados. Portanto, todos os estímulos externos como o vento, frio, calor, fumo do tabaco, estimulam mais facilmente a pele, provocando ardor, vermelhidão ou comichão/prurido. Uma pele sensível pode ser acneica, oleosa, seca ou normal. Ter uma pele sensível é um complemento do tipo de pele. Portanto toda a rotina tem que ter construída tendo em consideração o tipo de pele.

Peelings e exfoliantes abrasivos devem ser evitados. Mas eu acredito que os exfoliantes físicos devem ser sempre evitados, não é à toa que na cosmética asiática não há exfoliantes físicos. 😊

Estímulos externos:

  • vento
  • mudanças de temperatura [frio, calor]
  • ar condicionado
  • fumo do tabaco
  • álcool

O que é que caracteriza uma pele intolerante?

Quem tem a pele intolerante tem por norma também outro tipo de alergias nomeadamente asma. A pele intolerante reage muito rapidamente a alergenos externos, usualmente em poucos minutos. A reação obtida é uma reação alérgica. Uma pele intolerante reage facilmente a cosméticos.

Que cosméticos escolher?

Cosméticos e maquilhagem deve ser hipoalergénica, o que significa que tem um menor potencial de desenvolver alergias. Os cosméticos para a pele intolerante devem conter uma lista de ingredientes simples e evitar ter óleos essenciais e fragrâncias. Usualmente as linhas para peles intolerantes têm a designação Tolerância e são em embalagem airless, de forma a minimizar o uso de conservantes.

  1. É possível ter as duas? Tenho pele mista, que é sensível e muito intolerante, uma vez que reage ao fumo de tabaco, às diferentes temperaturas, a alguns cosméticos e determinadas fragâncias… e até a alguns champôs. Se a espuma destes, de alguma forma, tocar no rosto, é reação na certa. Às vezes nem sei o que usar…
    Elsa

    1. Olá Elsa,

      parece-me que tem uma pele intolerante. E isso manifesta-se também por uma grande sensibilidade. Tem por exemplo a linha Tolerância Extrema da Avène.

  2. Bom dia Andreia.
    Tenho 42 anos, pele clara com sardas, muito seca (à excepção do queixo e asas nasais) e sensível, fazendo mesmo alguns eczemas por vezes na zona à volta dos olhos e sobrancelhas.
    Sempre tive cuidados relativamente à hidratação e com as rugas desde os 30, mas pretendo agora levar a cabo uma rotina mais completa. Mas como dizes é difícil arranjar produtos que tenham em conta todas as características da minha pele. E tenho uma dúvida: muitos dos produtos que referes para pele sensível são muitas vezes para peles acneicas que por sua vez são peles oleosas, será que ao usá-los não vou estar a secar mais a minha pele? Por exemplo estive a pesquisar o serum de vitamina C da Roche posay que penso estar indicado para peles sensíveis, mas tb possui ácido salicílico que até pode ser bom para controlar a inflamação dos meus eczemas, mas está mais indicado para tratar o acne…
    Vou recomeçar agora a usar o Redermic R à noite e comprei a sleeping mask da Laneige para compensar o retinol, mas gostava de experimentar um serum de vitamina C pela manhã.
    Obrigada!

    1. Olá Daniela,

      nesse caso não aconselharia o Redermic c por conter ácido salícilico. Em peles com eczema, pode causar sensibilidade. Nesse caso aconselharia um sérum como o Melano CC, que para além da vitamina C tem ingredientes com ação anti-inflamatória, ou outro que contenha apenas vitamina C. Beijinho

Deixar uma resposta

Mais histórias
Isotretinoína oral. Cuidados a ter!
Don`t copy text!