My Mood

do dia do Pai.

há dias em que ainda vejo a minha mala aberta no chão do meu quarto,

o meu passaporte na mesinha de cabeceira,

o bilhete da TAP,

Lisboa-Sal.

Sal-Lisboa.

há dias em que vendo um avião,

não penso para onde gostaria de ir,

mas lembro-me que chegaste num avião numa caixinha, para nunca mais partir.

não há dia nenhum em que não use o teu relógio,

porque, faz-me sentir mais próxima de ti.

há dias em que me dizem que o Benfica está em primeiro lugar,

mas eu esqueci-me de saber falar de futebol desde a última vez que falei contigo,

e esqueci-me de saber festejar as vitórias,

e esqueci-me de tantas outras coisas

há dias, como o de hoje, em que me dizem que já não estás cá há exactamente 7 meses,

e não sei como vou continuar a sobreviver mais outros 7.

e não há nenhum dia em que não pense que preferia ter morrido eu,

afinal, tu gostavas tanto de viver.

 

Feliz Dia do Pai,

Pai.

Gosto tanto de Ti.

Artigo Anterior Próximo Artigo

Também Poderá Gostar

Gostou do artigo?

Subscreva a newsletter para estar a par das novidades!

Obrigada e até breve!