Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed

Sementes: diferentes tipos e benefícios!

Eu uso muitas sementes na minha alimentação diária. E agora que estou de férias em Portugal [yey!], presto muita atenção aos produtos que há nos supermercados. E uma das agradáveis surpresas que noto em relação ao ano passado, é que agora em quase todos os supermercados é possível encontrar todo o tipo de sementes! Portanto, nada melhor do que conhecer os vários tipos de sementes e os seus benefícios!

Sementes de abóbora

As sementes de abóbora são conhecidas como pevides e são uma fonte de gorduras polinsaturadas, fitosteróis, vitamina E, fibra e proteína. Estes nutrientes conferem-lhe poder antioxidante, anti-inflamatório e diurético, sendo excelentes para melhorar a saúde da próstata. Podem consumir-se como snack, ou adicionadas a iogurtes, batidos, cereais ou saladas.

Sementes de cânhamo

Grande fonte de proteína vegetal, fibra, ómegas 3 e 6 minerais e vitamina E. Ajudam a regular a pressão arterial, a estimular o sistema imunitário e ajudam no controlo do colesterol. Podem ser consumidas como snack, ou adicionadas a iogurtes, cereais ou batidos.

Sementes de chia

As sementes de chia são extremamente ricas em fibra e absorvem 12x o seu peso, o que contribui para a sensação de saciedade. Ricas em magnésio, ómegas-3 e cálcio. Ajudam a perder peso e a baixar o colesterol. Pode-se adicionar ao leite, iogurtes, sumos e batidos. Deve-se mexer bem e deixar no mínimo durante 15 minutos para as sementes de chia expandir. Não têm sabor e dão uma textura gelatinosa às receitas.

Sementes de linhaça

As sementes de linhaça são ricas em fibra, vitaminas e minerais como as vitaminas B e manganês e magnésio. Ajudam a reduzir o colesterol, a estabilizar o açúcar no sangue, a minimizar a perda de massa óssea, a promover a perda de peso, a aumentar a imunidade e a combater o cancro.
Pode facilmente moê-la num moinho de café ou numa liquidificadora. A semente de linhaça moída deve ser mantida num recipiente hermético no frigorífico. O seu teor elevado de fibra permite regular o trânsito intestinal e o controlo da saciedade. Podem ser adicionadas a iogurtes, sumos, saladas, cereais, sopas.

Sementes de papoila

Ricas em ómegas-3 e em vitaminas B. Têm um alto teor em fibra e são ricas em proteína e minerais. Têm propriedades que lhes conferem poder calmante. Podem ser facilmente adicionadas a saladas, sumos, batidos, pão.

Sementes de sésamo

São ricas em cálcio, fósforo, ferro, fibras e vitaminas do complexo B. Ajudam a controlar os níveis de colesterol. São uma boa fonte de metionina, aminoácido que não é produzido pelo nosso organismo pelo que é essencial na alimentação. Entre os benefícios destas sementes, estão ainda o bom funcionamento do sistema nervoso central e a prevenção de doenças ósseas. Contém ainda fitosteróis que têm benefício na gestão dos sintomas de menopausa. Podem ser adicionados a iogurtes, sumos, saladas, sopas e cereais.

Eu adiciono sempre sementes de chia e de linhaça ao meu pequeno almoço que preparo à noite com aveia, leite de amêndoa, 1 colher de sopa de chia e 1 colher de sopa de linhaça moída e canela e frutos vermelhos congelados. Gosto bastante também de sementes de abóbora e de papoila adicionadas às saladas ou no pão que faço em casa. E vocês, costumam utilizar sementes na vossa dieta? Quais são as vossas preferidas?

Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed
Mais histórias
Passatempo Cabaz Saúde da Pele e Anti-Envelhecimento!